Notícias

Estágio em Odonto: laserterapia é alívio para pacientes oncológicos

19 de março de 2024

laserterapia Pacientes com câncer de cabeça e pescoço são tratados com radioterapia. A técnica é eficiente, mas tem efeitos colaterais difíceis de lidar. É aí que entra a laserterapia – um trabalho feito, inclusive, por dentistas e com o qual os estudantes de Odontologia da FAINOR já atuam no estágio.

A radioterapia causa o que os profissionais da Saúde chamam de “injúria”. É como se queimasse a pele – isso machuca as glândulas, destrói as papilas gustativas e fere a mucosa bucal dos pacientes oncológicos, com tumores na região da cabeça e do pescoço. A aplicação do laser previne e trata estas consequências.

A abordagem é feita diariamente e contribui para a diminuição da internação e para a melhoria da qualidade de vida. De acordo com a dentista Débora Bittencourt, professora do curso de Odontologia da FAINOR, é possível perceber imediatamente os efeitos da laserterapia. “É visível o relaxamento da face do paciente, conforme a dor vai sendo aliviada pelo laser”, explica.

A professora Débora é a responsável por acompanhar os estudantes da FAINOR durante o estágio, realizado no hospital Samur. Os estudantes aplicam o tratamento com laser nos pacientes, depois de terem aprendido sobre o próprio laser, medicação, tratamento pré-radioterapia, entre outros temas.

Até a forma de falar com o paciente precisa ser aprendida, pois o comportamento do profissional vai influenciar na relação com o paciente e na forma como o paciente encara o tratamento. “Nós preparamos o estudante psicologicamente, condicionando para gerir suas emoções, numa espécie de dessensibilização, pois é um contato impactante com a realidade”, explica a professora.

 

Experiência

A questão social dos pacientes impacta a experiência dos estagiários, pois eles atendem pessoas que, geralmente, não tiveram recursos financeiros durante a vida, nem para ter acesso a acompanhamento odontológico, por exemplo. Todo o tratamento com laserterapia em que os estudantes da FAINOR atuam é feito pelo SUS.

laserterapia

Por outro lado, como o laser alivia a dor imediatamente, o sentimento de ajudar o paciente nesse nível também é impactante para os estudantes. “Tudo isso os amadurece como profissional e como ser humano”, pontua a professora Débora.

“A atividade prática com a laserterapia agrega muito na nossa formação. Estamos acostumados com clínica, mas aqui a gente vê outra realidade, e numa equipe multiprofissional”, explica a estudante do nono semestre de Odontologia da FAINOR, Bianca Amorim.

A estagiária conta que consegue perceber como a ação melhora a vida da pessoa que está sendo atendida. “O paciente entra no consultório sentindo uma dor no nível 10 e sai com nível 3. Esta experiência vai fazer a diferença para mim, como profissional formada. A gente já sabe, inclusive, o que tem que fazer para preparar o paciente para o tratamento”, avalia a estudante.

A paciente Wanderlene Figueiredo Cardoso confirma a avaliação. “Eu deveria ter começado este tratamento desde a primeira sessão. A radioterapia é um sofrimento terrível e com a laserterapia o alívio é imediato. É muito bom desde a primeira consulta. Fico muito agradecida pelo carinho, atenção e excelente atendimento”, compartilha dona Waldirene.

 

Exclusividade

Este é o único estágio da região em que os estudantes de Odontologia realmente atuam na aplicação do laser. Como parte da vivência do atendimento, os alunos da FAINOR participam do recebimento do relatório médico, identificam as necessidades e ajudam a planejar a aplicação do método. De 10 a 14 pacientes são atendidos por dia, numa rotina bastante diferente de uma clínica odontológica comum.

laserterapia

O estágio com laserterapia também é instrutivo em outro aspecto: o futuro profissional aprende a não trabalhar sozinho. O dentista é parte fundamental da equipe multidisciplinar envolvida no tratamento, o que leva a uma perspectiva totalmente nova da profissão.

O curso de Odontologia da FAINOR tem mais de 10 anos de funcionamento e nesse período tem sido referência também em outros aspectos. O Núcleo de Estudos em Odontologia – NEO, por exemplo, é uma clínica completa, que atende gratuitamente mais de 1 500 pacientes por mês, durante o semestre letivo. Para 2024.1, o curso ainda disponibiliza algumas vagas, mas o período de entrada imediata já está acabando. Outras informações podem ser obtidas no endereço estude.fainor.com.br.

Virada Consin